Kaleydos

Maturi lança pesquisa durante evento anual

Durante 4 dias de evento, o MaturiFest debateu o emprego e o empreendedorismo entre os 50+ e lançou a Pesquisa Maturi 2021.

Créditos da foto: Blog Maturi

A última semana de julho foi um momento importante para o público maduro. Durante 4 dias inteiros de evento, a 4ª edição do MaturiFest, o Festival de Trabalho e Empreendedorismo 50+ realizado pela Maturi.

Em sua edição online, o evento contou com a presença de nomes consagrados em seus painéis como Tony Ramos, Mário Sérgio Cortella, Maria Cândida e figuras internacionais como o palestrante internacional, Chip Colney, criador da Modern Elder Academy.

O saldo não poderia ser mais positivo. Foram mais de 16 palestras, 40 oficinas, 4 momentos de networking e um número incrível de pessoas envolvidas: 6.800 inscritos assistiram o MaturiFest e 1.200 participaram das oficinas disponibilizadas. Além disso, 800 pessoas estiveram nas salas de networking, onde tiveram a oportunidade de ter novos encontros que proporcionam ideias, reflexões e propósitos de vida.

Lançamento de Pesquisa Maturi 2021

O último dia do evento foi marcado pela apresentação dos resultados da Pesquisa Maturi 2021, realizado em parceria com a NOZ Pesquisa e Inteligência. O estudo teve como objetivo a compreensão de como esse público está lidando com o segundo ano da pandemia e obteve a participação de 2 mil pessoas com 50 anos ou mais.

Os resultados apresentados pela responsável pela pesquisa Juliana Vanin, fundadora da NOZ Pesquisa & Inteligência, junto com Mórris Litvak, CEO da Maturi, revelam dados interessantes.

O perfil da amostra apresenta uma forte presença feminina (59%), média de 59 anos, relacionamento estável (51%) e residentes do sudeste do Brasil. A escolaridade desses maduros é bem alta e a maior parte possui Ensino Superior (36%) ou Pós Latu Sensus (39%) e a renda média é de R$2.500 a R$5.000.

Apesar da transformação ocorrida de maneira rápida e brusca, os maduros demonstram conseguir se adaptar às novas exigências digitais e estão confortáveis com isso. O recorte voltado para o trabalho e seus novos modelos aponta que 41% estão acostumado com a tecnologia e os aplicativos de gestão, 51% dos entrevistados utilizam ferramentas de colaboração online, 82% está preparado para uma maior autonomia e flexibilidade de jornada e 78% declararam preparados para o home-office ou híbrido e, desses, 69% utilizam redes sociais.

Mas como eles estão no mercado, agora? Segundo dados do estudo, 39% buscam recolocação profissional e mais da metade desses (53%) sofreram a perda de trabalho durante a pandemia. Entre os que declaram estar trabalhando, a autonomia e o empreendedorismo são as principais ocupações com 18% e 11% respectivamente. Entretanto, isso não fez com que eles parassem: 80% realizaram cursos online (16% desses o fizeram pela primeira vez) em busca de adquirir mais conhecimento e se atualizar sobre suas profissões.

O público maduro foi determinado, desde o início da pandemia, como o mais vulnerável ao COVID-19. Porém, os respondentes do estudo apontam que eles mais tiveram pessoas próximas diagnosticadas (57%) do que eles próprios foram: só 14% dizem ter testado positivo para o coronavírus.

Um ano depois da pandemia ter início, os participantes listaram os dois maiores desafios atuais sendo o preconceito etário e a vida financeira. Ambos tiveram mais de 60% de afirmativa quando a opção era “difícil ou desafiador”

Quer assistir o conteúdo da MaturiFest 2021?

Quem perdeu o evento ao vivo e quiser ter acesso aos conteúdos, a Maturi disponibilizou a íntegra dos 4 dias do evento. Para acessar é necessário adquirir o ingresso solidário que ativa de 3 meses à 1 ano de acesso à plataforma MaturiAcademy. Do valor arrecadado com as vendas, 60% será destinado para instituições filantrópicas.

*o conteúdo desta matéria foi baseado nos textos “10 lições da quarta edição do MaturiFest” e “A busca de significado para uma bela velhice”, ambos disponíveis no Blog Maturi


Sobre a Kaleydos

Kaleydos é uma plataforma de investimento e desenvolvimento de soluções e negócios alinhados aos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS). Apoiamos negócios inovadores em estágio inicial de maneira personalizada mesclando mentoria, capital semente e co-gestão. Somos uma iniciativa do Instituto Jatobás. Clique aqui para saber mais sobre nós.

Assine a nossa newsletter mensal.